Image Map

29 janeiro 2013

Divulgação + parceria: Negro Amor

4

Há algum tempo tenho lido muitos elogios a respeito do livro nacional Negro Amor da autora Camille Storch.
Agora finalmente terei a oportunidade de ler esse romance e resenhar para vocês, pois em breve receberei o livro através de uma parceria com a autora, enquanto isso, que tal saber um pouco mais sobre a obra e sobre sua autora?


Sobre o livro:
"Nesta narrativa, Camille não poupa seus personagens de alegrias e sofrimentos. Pelo contrário, coloca-os em situações limite, cheios de ideais e objetivos. Conseguirão alcançá-los e ainda ajudar todos aqueles que contam com isso? É um enorme desafio para Tsuki e Niti , os protagonistas. Cabe também ao leitor participar desta jornada."

Sobre a autora:
"Sua primeira palavra foi “escritora”. Brincadeiras à parte, desde muito cedo esse tem sido o objetivo de Camille. Jovem paulistana determinada e sensível conseguiu seu primeiro prêmio pela ACESC com seu conto “O Acampamento”, representando o Clube Paulistano, em 2005, com apenas doze anos de idade. Possui uma capacidade aguda de observação e criatividade, canalizados em um fluxo impressionante de escrita, já revelando um estilo próprio de conduzir suas ideias e histórias.
Lança seu primeiro livro ao completar a maioridade, mas cuja história vem se desenvolvendo desde seus quatorze anos, seguindo-a diariamente como um cãozinho à procura de um lar."


Acompanhe:

28 janeiro 2013

Esmalte da Semana: Ousadia Tropical

2
Nessa semana estou usando o ... 
   
  Ousadia Tropical - Beauty Color

Esse esmalte já apareceu por aqui uma vez, porém gosto tanto dele que vale a pena repetir sempre que possível.
É um amarelo fofo e bem alegre, os esmaltes da Beauty todos tem uma ótima cobertura e duração.

Beijos e uma ótima semana para todos :) 
 

26 janeiro 2013

Tag: Os 7 pecados capitais da leitura.

2
Fui indicado para responder essa tag pelo blog Leituras e Fofuras, e através das minhas respostas vocês conheceram quais são os meus 7 pecados capitais da leitura.


E ai, quais são os 7 pecados da leitura de vocês?

25 janeiro 2013

Resenha: O lado bom da vida

8
Livro: O lado bom da vida 
Autor: Matthew Quick 
Editora: Intrínseca

Sinopse:
"Pat Peoples, um ex-professor de história na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um "tempo separados". Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, sua esposa negando-se a aceitar revê-lo e seus amigos evitando comentar o que aconteceu antes de sua internação, Pat, agora um viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida." 

Confesso para vocês que nunca tinha ouvido falar desse livro e nem mesmo do filme até a editora Intrínseca anunciar o seu lançamento.
Assim que vi a capa e a sinopse ele me chamou bastante atenção e fiquei bem curiosa para começar a ler.
"O lado bom da vida" é narrado por Pat Peaples, um cara de 30 anos que acaba de sair de uma clínica psiquiátrica.
Pat não se lembra quanto tempo ficou "no lugar ruim" e nem mesmo sabe o porque foi parar lá, a única coisa que ele deseja é voltar a sua vida normal e reencontrar de novo a sua mulher Nikki.

"Não quero ficar no lugar ruim, em que ninguém acredita no lado bom das coisas, no amor ou em finais felizes, e onde todo mundo me diz que Nikki não vai gostar de meu novo corpo, nem vai querer me ver quando acabar o tempo separados. Mas também tenho medo de que as pessoas de minha antiga vida não sejam tão entusiásticas quanto estou tentando ser agora."

Nikki e Pat estão vivendo o que ele chama de "tempo separados" e por isso ele não tem nenhum tipo de contato com ela e nem com a família dela.
Pat acredita em finais felizes e quer ser uma pessoa melhor para Nikki e por isso está o tempo todo se esforçando, lendo os livros preferidos dela para entender o que ela pensa, malhando para voltar a antiga forma física e etc
Para superar tudo isso ele conta com a ajuda de seu terapeuta Cliff, seus amigos Ronnie e Verônica, e Tiffany (uma viúva doidinha) que terá grande importância na sua vida.

"Tenho que admitir que, pela primeira vez desde que o tempo separados começou, estou furioso com Nick por ensinar tal pessimismo em sala de aula.
Não vou citar Hemingway tão cedo, nem quero ler outro de seus livros. E, se ele ainda fosse vivo, eu escreveria uma carta para ele agora mesmo e ameaçaria estrangulá-lo até a morte com minhas próprias mãos, só por ele ser tão deprimente."

Com uma história envolvente que nos mostra como é importante viver o lado bom da vida apesar de todos os problemas que enfrentamos no dia a dia, "O lado bom da vida" me ganhou fácil, apesar de não ser o meu gênero literário favorito.
A narrativa construída em primeira pessoa nos faz entender completamente o universo de Pat e toda a confusão mental que ele passa em relação ao seu passado.
Além de um drama muito bem construído com um certo mistério envolvendo toda a história, o livro trás também algumas cenas bem divertidas e muitas outras emocionantes.
Para quem ainda não sabe a adaptação cinematográfica do livro está com várias indicações para o Oscar desse ano e estreia aqui no Brasil no dia 1 de fevereiro.
É claro que já estou ansiosa para assistir o filme e espero não me decepcionar com ele.


________________________________________________________

Confiram o trailer do filme: 

23 janeiro 2013

Dicas de Look: Carnaval

1 comentários
O Carnaval está chegando e que tal pensar com bastante antecedência em qual look você deseja usar para aproveitar essa festa em grande estilo?
A loja virtual Passarela (que é onde eu trabalho no meu dia a dia) produziu essa semana um vídeo bem bacana com dicas de look para essa data.
Vale a pena conferir...


PS: Gostaria apenas de lembrar que esse post não é patrocinado e nem fruto de uma parceria, estou compartilhando com vocês, pois trabalho nessa empresa e faço parte da equipe que idealiza e produz os vídeos.

22 janeiro 2013

Resenha: Love Story

4
Livro: Love Story
Autora: Jennifer Echols
Editora: Pandorga

Sinopse:
"Para Erin Blackwell, estudar escrita criativa na faculdade dos seus sonhos em Nova Iorque é mais do que uma oportunidade para conquistar suas ambições, é sua passagem para longe das lembranças trágicas que acompanham a fazenda de cavalos de sua família no Kentucky. No entanto, quando ela se recusa a estudar administração e cuidar da fazenda, sua avó decide oferecer o dinheiro da faculdade e a prometida herança de Erin ao seu lindo cavalariço, Hunter Allen. Agora Erin precisa conseguir um estágio e trabalhar até tarde em uma cafeteria para tornar seu próprio sonho realidade. Ela deveria desprezar Hunter… mas por que ele entrou de surpresa em seus pensamentos como o herói de seu último dever de casa? No dia em que ela está compartilhando a história com a turma, Hunter aparece. E entra no grupo..."

Sempre ouvi e li opiniões bem positivas a respeito dos romances de Jennifer Echols e por isso estava bem curiosa para finalmente poder ler algum deles.
Comecei por "Love Story", o último livro da autora que foi lançado no Brasil e que trás um delicioso romance contemporâneo com uns toques de romance histórico.
Erin é um jovem que sempre amou ler e sonha em se tonar uma famosa escritora, ela vê a grande chance de iniciar nessa carreira através das aulas de escrita criativa da faculdade, pois através delas terá a oportunidade de conseguir um importante estágio.
O que Erin não imaginava é que o personagem principal de suas histórias, aquele pelo qual ela sempre foi apaixonada, iria entrar para a mesma aula que ela e fazer aflorar ainda mais os sentimentos que ela jamais conseguiu esquecer.

"Eu odiava a forma como meu corpo respondia, como se ele fosse meu namorado, não como meu colega, nem como meu pior inimigo. Talvez o calor subisse pelo meu peito porque Hunter era bonito e confiante, uma força da natureza, mas eu tinha medo de ter feito esse estrago comigo mesma. Na vida real nós não conversávamos amigavelmente desde o verão antes da sétima série, exceto em uma noite de maio, mas na minha mente eu já tinha escrito "Quase uma Dama", o romance inteiro. Na minha mente, nós dormimos juntos"


Hunter faz parte do passado de Erin, um passado que está mais vivo do que nunca na história de época que ela escreveu especialmente para a sua primeira aula.
É claro que assim que ele ler a história irá se reconhecer nela, e o que será que irá acontecer depois disso? Será que ela também se tornará a protagonista das histórias escritas por ele? 
O que posso garantir é que o romance é bem divertido e também nos faz suspirar em muitos momentos, o que para mim é a fórmula certa para uma boa história desse gênero. 

“Fechei meu coração para ele. Pensei que tinha conseguido esquecê-lo dez vezes. Todas as vezes eu estava errada. Ele sempre dava um jeito de voltar ao meu coração e sabotá-lo. Esta seria a última.”  

O romance escrito por Jennifer é simplesmente delicioso e viciante e a narrativa é encantadora, pois nos permite ler as histórias escritas pelos personagens ao mesmo tempo em que eles estão lendo e sentir um pouco do que eles estão sentindo naquele momento.
Hunter é daquele típico personagem masculino que faz com que todas as leitoras se apaixonem por ele e por isso você acabei ficando com um pouco de raiva de Erin em alguns momentos, apesar de ter gostado bastante da personagem também.
Muitas pessoas não gostaram muito do final do livro por ele ser um pouco corrido e ter deixado de lado algumas coisas importantes, eu concordo, porém gostei dele mesmo assim e achei que a história terminou muito bem.
Com certeza depois dessa leitura entrei para o time de fãs dessa autora e irei tentar ler o mais breve possível e seus outros dois romances que já foram lançados no Brasil, "Como fui esquecer você" e "Longe Demais".



21 janeiro 2013

Esmalte da Semana: Fashion

5
Nessa semana estou usando o ... 
   
  Fashion - Elke

O Fashion da Elke é um rosa pink super fofo.
Já tinha ouvido falar bastante dessa marca, porém nunca tinha usado.
Esse é o primeiro e gostei bastante, a única coisa que deixa a desejar é a cobertura pois usando só 2 camadas a cor fica um pouco transparente.

    Beijos e uma ótima semana para todos :)

19 janeiro 2013

Resenha: A música que mudou minha vida

8
Livro: A música que mudou minha vida
Autora: Robin Benway
Editora: Galera Record

Sinopse:
"A vida de Audrey Cuttler não tem sido a mesma desde que aquela música chegou ao topo das paradas. Ela só queria ir a shows, andar com seus amigos e, talvez, arrumar um encontro com o gatinho do trabalho, mas agora Audrey é... famosa! Não famosa do tipo coisas-grátis-e-crachás-para-o-camarim. Famosa do tipo paparazzi-escondido-nos-arbustos, o pior-momento-da-sua-vida-estampada-por-toda-a-primeira-página. Tudo por causa da música que o ex - namoradofez sobre o rompimento dos dois - o hit do momento, quer dizer, um desastre! Audrey não quer ser a garota dos refletores, mas uma vez que o mundo decide que ela é uma estrela, será que a sua vida algum dia vai ser normal de novo? Prepare - se para descobrir, porque está na hora da Audrey contar o seu lado da história."


Esse livro foi lançado a mais de 3 anos atrás e estava na minha lista de desejados faz um bom tempo, até que finalmente tive a oportunidade de ler e adorei.
Audrey Cuttler acaba de terminar com o seu namorado Evan, um charmoso vocalista de uma banda de rock e para a sua surpresa logo em seguida ele escreve uma música chamada "Audrey, espere" onde relata o término e tudo o que ele sentiu nesse momento.
A música rapidamente acaba fazendo sucesso e atingindo as principais paradas de sucesso em diversas cidades do país.
É claro que depois da música a vida de Audrey começa a mudar completamente, pois agora todos querem saber quem é a famosa Audrey que partiu o coração de Evan.

"Porém, ninguém me avisou que a minha vida estava prestes a mudar. Não me falaram sobre os paparazzi e editores de revistas e relações públicas e do advogado que meus pais teriam que contratar. Com certeza não me falaram que vocês saberiam o meu nome até o fim do ano.
E isso é tudo o que vocês realmente sabem: o meu nome.
Mais agora chega, crianças.
Eis o meu lado da história."

Agora para ela será difícil até mesmo trabalhar na sorveteria do shopping ao lado do fofo James, pois onde quer que ela vá acaba sendo seguida por paparazzis, fãs e curiosos.
O livro é narrado em primeira pessoa por Audrey de uma forma bem divertida e descontraída e ao início de cada capítulo temos trechos de músicas famosas.
Achei a narrativa tão gostosa e envolvente que por muitas vezes senti como se eu realmente conhece-se Audrey e senti muita vontade de escutar a famosa música dela.

"- O que foi, alguém quer um autógrafo? - explodi para cima do James enquanto secava os olhos. - Uma foto? Um comercial? Ou só querem me atormentar e me ameaçar com a extinção social enquanto provam doze bilhões de sabores?
James deu vários passos lentos na minha direção e, quando eu não me estiquei para frente e tentei matá-lo, ele se sentou ao meu lado e com muito, muito cuidado, passou o braço em torno dos meus ombros."

Outra coisa muito legal que não posso deixar de comentar, é que nas abas do livro temos um depoimento da Anna Júlia, a garota que inspirou a famosa música da banda Los Hermanos que fez muito sucesso em 1999.
Foi bem legal poder conhecer um pouco de uma história real com o mesmo tema e ver o quanto a Anna se identificou com tudo o que leu no livro antes de dar o depoimento.
Para quem gosta de música e romances fofos e divertidos assim como eu, esse livro está mais do que indicado.


16 janeiro 2013

Saiba como se livrar das olheiras!

2

Desculpem a ausência no blog essa semana, tive alguns problemas no servidor e por isso não estava conseguindo postar, mais agora tudo está voltando ao normal e trouxe algumas dicas importantes para vocês \o/


Dicas:
1 – Não há remédio melhor para olheiras do que dormir bem e ficar longe do cigarro.
2 – Compressas geladas (valem rodelas de pepino, chá de camomila ou só água), aplicadas sobre os olhos por mais ou menos 20 minutos, amenizam bem o problema.
3 –Aproveite o formato roll-on dos novos cremes para os olhos e massageie a área sob a pálpebra inferior com movimentos de dentro para fora – isso ajuda a aliviar o inchaço e a ativar a circulação.

Produtos:
Q10 Plus Contorno dos olhos da Nivea - R$ 45
Anti-Olheiras Revitalift Rollon da L'oréal - R$ 39,90


Créditos: Revista Gloss

10 janeiro 2013

Resenha: Por um momento apenas

5
Livro: Por um momento apenas
Autora: Bella Andre
Editora: Novo Conceito

Sinopse:
"Durante 36 anos, Marcus Sullivan fora o irmão mais velho, ajudando a cuidar de seus sete irmãos após a morte do pai, quando ainda eram crianças. No entanto, quando o futuro perfeito que ele planejara para si próprio transformou-se em nada além de uma mentira, Marcus precisa de uma noite de loucura para se esquecer de tudo.
Nicole Harding é conhecida no mundo todo por apenas um nome — Nico —, graças à sua música pop contagiante. No entanto, o que ninguém sabe sobre essa cantora de 25 anos é que sua imagem de símbolo sexual é totalmente falsa. Depois de ter sido terrivelmente traída por um homem que amava a fama mais do que a ela, jurou nunca mais deixar ninguém se aproximar a ponto de descobrir quem ela realmente é... ou de magoá-la novamente..."


Para quem não sabe "Por um momento apenas" faz parte de uma série de livros protagonizados pela família Sullivan, e em cada um dos títulos nós conhecemos a história de amor de um dos irmãos da família.
Depois de ter lido o primeiro livro da série, "Um olhar de amor", e me apaixonado por Chase Sullivan, chegou a vez de Marcus, o irmão mais velho e o dono da vinícola que serviu de cenário para o primeiro livro.
Marcus acaba de descobrir a traição de sua namorada e decide sair para esquecer de tudo fazendo sexo com uma desconhecida.
Um pouco depois de chegar em uma boate a procura de sua "vítima" ele vê uma mulher linda e sexy entrando e vindo em sua direção e não tem dúvidas de que ela é a mulher ideal para satisfazer todos os seus desejos e ajudá-lo a esquecer da traição.

 ''De repente, a cortina se abriu...e ela entrou.
Marcos sentiu como se tivesse levado um soco no estômago.
Ela era jovem, provavelmente uns vinte e poucos anos, e tão linda que quase doía olhar para ela. O vestido preto de couro não deixava espaço para a imaginação, ajustado nela como uma segunda pele, com fendas largas que desciam por suas curvas enlouquecedoras.
Ela era a tal.'' 


Ao levar Nicole Harding para o apartamento de um dos seus irmãos com a intenção de ter com ela somente uma noite de muito prazer, ele não sabia que ela na verdade é uma cantora famosa que também estava em busca de apenas uma noite de diversão depois de ter sido usada por muitos homens por conta da sua fama.
Mais como será que essa noite irá acabar?

"Claro que ela ainda queria beijá-lo, mas, de repente, ela também queria vê-lo sorrir. Queria ver seus olhos marrom-chocolate olharem para ela com um sorriso e saber que era ela a responsável por isso." 

O livro trás capítulos alternando a narrativa de Marcus e Nicole e isso nos permite conhecer em detalhes a história e ter uma identificação imediata com os dois personagens.
Achei a história um pouco mais quente do que a do primeiro livro, com mais cenas eróticas e palavras mais fortes e ousadas, acredito que isso acabou sendo crucial para diferenciar bem a personalidade dos dois irmãos, Chase é mais romantico e protetor enquanto Marcus é dominador.
Uma das cenas que mais gostei foi um divertido almoço na casa da família Sullivan onde pudemos finalmente conhecer todos os irmãos da família e também a mãe deles.
Depois disso fiquei ainda mais ansiosa pelos outros livros da série e o próximo será "Não posso me apaixonar" que será lançado agora no dia 28 de Janeiro, e assim que eu receber da editora com certeza irei começar a ler no mesmo dia.





07 janeiro 2013

Cuidados de beleza no verão!

2
Recebi essa semana em um e-mail da editora Harlequin umas dicas muito legais de cuidados com a beleza no verão e achei a cara do blog, por isso resolvi compartilhar com vocês por aqui hoje.


Aproveitem as dicas e curtam muito o verão.

05 janeiro 2013

Tag: 12 livros para 2013

7

Confiram alguns dos livros que eu pretendo ler esse ano.

04 janeiro 2013

Vestidos de noiva das princesas Disney

6
Como mostrei para vocês na semana passada o meu post falando dos vestidos de noiva inspirados na Barbie foi um dos mais acessados do ano passado.
E agora a novidade são os vestidos de noiva inspirados nas princesas Disney.
Já faz alguns anos que o famoso estilista americano Alfred Angelo lança lindas coleções para quem quer se sentir uma verdadeira princesa na hora de subir ao altar.
Confiram alguns dos modelos da coleção 2013...


Qual princesa vocês gostariam de ser na hora de subir ao altar?

03 janeiro 2013

Resenha: Paris versus New York

4

Como esse livro não tem escrita e é feito inteiramente de ilustrações comparando as cidades de Paris e Nova York, não tem como fazer resenha sem mostrar um pouco do que você irá encontrar dentro dele, não é mesmo?


"Vahram Muratyan é um jovem artista gráfico de origem armênia criado em Paris. Em 2010, depois de uma longa temporada em Nova York, ele criou o blog Paris versus New York como uma espécie de registro visual de suas experiências, um bem-humorado confronto entre duas das mais míticas cidades do mundo. O sucesso foi surpreendente e o blog teve mais de cinco milhões de visitas em um ano. A sofisticada batalha visual, travada por um amante de Paris vagando por Nova York, se transformou em livro e firmou o artista como um designer renomado, com uma carteira de clientes que inclui grandes nomes da moda, entre eles Prada e Chanel. Este amistoso confronto artístico é dedicado aos amantes de Paris, de Nova York e àqueles que estão divididos entre as duas cidades."


Um livro lindo, de capa dura e com
224 páginas de ilustrações coloridas comparando as duas das cidades mais badaladas do mundo, é assim que eu definiria "Paris versus New York".
O livro é daqueles exemplares que qualquer pessoa deve ter na estante, especialmente se gostar de viagens, design, ilustrações e arte no geral.
Através das ilustrações bem feitas e carregadas de humor de Vahram, fica impossível não viajar a cada nova página.
Depois que abri o livro pela primeira vez a minha vontade de conhecer essas duas cidades maravilhosas pessoalmente aumentou mais ainda, e se algum dia eu tiver essa oportunidade com certeza levarei ele junto comigo, para ver tudo isso que foi tão bem retratado pelo artista pessoalmente.
 

02 janeiro 2013

Testei: Blush 2 em 1 da Océane Femme

4

Não é novidade para ninguém que eu adoro os produtos da Océane Femme e estou sempre utilizando e indicando alguns deles aqui no blog.
A algumas semanas atrás recebi da empresa alguns produtos da sua nova linha de maquiagem e entre eles veio esse blush 2 em 1 super bonito. 


Blush your face plus
 O que diz a empresa:
"Um blush que vem com uma cor para o dia e outra cor para a noite, pó opaco de um lado e pó mineral do outro, em duas opções, para as mais ousadas que gostam do BABY PINK – LILAS. E para as tradicionais ROSA – TERRA."


O que eu achei:
Eu recebi o blush nas cores Lilás/Baby Pink e adorei.
O Baby Pink é um rosa bem clarinho e discreto que quase não aparece na pele e por isso é indicado para usar de dia e o Lilás é um pouco mais escuro e na embalagem é indicado para usar a noite, porém eu já utilizei os dois durante o dia e não vi problema nenhum.
A pigmentação do produto é ótima e também gostei bastante da embalagem e da durabilidade e desde que recebi costumo usar o blush quase todos os dias para ir trabalhar e ele aguenta bem na pele mesmo nos dias mais quentes. 

Para quem quiser saber mais sobre esse e os outros produtos da marca é só clicar aqui.

01 janeiro 2013

Resenha: A seleção

8
Livro: A seleção
Autora: Kiera Cass
Editora: Seguinte

Sinopse:
"Para trinta e cinco garotas, a Seleção é a chance de uma vida. É a oportunidade de ser alçada a um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha.
Para America Singer, no entanto, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás o rapaz que ama. Abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes.
Então America conhece pessoalmente o príncipe - e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que nunca tinha ousado imaginar." 




Esse foi o último livro que li em 2012 e gostei tanto que não poderia deixar de fazer dele o primeiro livro a ser resenhado pelo blog em 2013.
A história mistura distopia com conto de fadas e nos apresenta um futuro onde a monarquia está de volta ao poder e os Estados Unidos é chamado de Illéa.
Após a uma grande guerra, toda a população foi dividida em castas e cada casta leva um número de 1 a 8 e quanto maior foi o número da casta piores são as condições de vida que seus integrantes levam. 

"Não que nossa situação fosse tão precária a ponto de temermos por nossa sobrevivência ou algo assim. Não éramos miseráveis. Mais acho que não estávamos muito longe disso. 
Nossa casta era a terceira antes do fundo do poço.

É nesse cenário que acontece "A SELEÇÃO" um concurso onde 35 garotas de diferentes castas do país são sorteadas e tem a chance de concorrer a um lugar no coração do príncipe Maxon e também ao status de nova princesa de Illéa. 
Todas as garotas entre 16 e 20 anos sonham com essa oportunidade, menos América Singer, uma jovem de casta 5 que a dois anos vive um romance secreto com Aspen, um garoto de casta 6.
Porém, mesmo não querendo se casar com o príncipe Maxon, América acaba sendo sorteada e tem que se mudar para o palácio junto com as outras 34 garotas até que o príncipe finalmente tome a sua decisão.

"Nenhuma das opções me parecia muito boa. E a ideia de entrar em um concurso que o país inteiro acompanharia só para ver um riquinho esnobe escolher a moça mais linda e sonsa do grupo para ser o rosto calado e bonito que apareceria ao lado dele na tv... era o bastante para me fazer gritar.
Haveria humilhação maior?"

O futuro distópico criado por Kiera Cass nesse livro me lembrou bastante o de Jogos Vorazes, com a grande diferença de "A SELEÇÃO" ser um reality show em que todos desejam participar.
A narrativa feita em primeira pessoa sob o ponto de vista da America, é tão fluida e encantadora que me fez ler o livro inteiro em poucas horas.
Simplesmente me apaixonei pelo príncipe Maxon e pelas cenas dos encontros dele com America e por isso em alguns momentos fiquei com raiva de Aspen e do triângulo amoroso existente na história. 
Amei o clima mágico de conto de fadas que domina a história inteira e por muitas vezes durante a leitura acabei suspirando só se imaginar a vida no castelo e os vestidos glamourosos que as candidatas a princesa usam.

"Baixei a cabeça por um instante e vi uma menininha esmagada contra o parapeito. Ela não devia ter mais de doze anos. Nas mãos levava um cartaz com a frase: "As ruivas dominam!", uma pequena coroa desenhada em um canto e estrelinhas para todos os lados. Eu sabia que era a única ruiva na competição, e percebi que os meus cabelos e os dela tinham praticamente o mesmo tom.
A menina queria um autógrafo"

Já estou bem ansiosa pela continuação da história que será lançada em abril aqui no Brasil e nos EUA simultaneamente.
Também existe a possibilidade de "A seleção" virar uma série de tv do canal americano CW e eu particularmente estou torcendo muito para que isso acontece logo, pois sou viciada em séries e iria adorar ver tudo isso na telinha.

 
 
Leitora Fashion © Todos os direitos reservados
leitorafashion@gmail.com