[Resenha] Anne de Green Gables - Lucy Maud Montgomery

em 24 setembro 2020

 

Desde que assisti Anne with an E na Netflix, fiquei com muita vontade de ler esse clássico de Lucy Maud Montgomery que deu origem a série e por isso quando surgiu a oportunidade de ler Anne de Green Gables em uma leitura coletiva, organizada pelos perfils do instagram @oslivrosdadani e @umpouquinhodemim, resolvi aproveitar e enfim começar a leitura.
LEIA MAIS

[Resenha] A Padaria dos Finais Felizes - Jenny Colgan

em 14 setembro 2020

 

Como boa fã de romances, desde que os livros da Jenny Colgan começaram a ser lançados aqui no Brasil, me apaixonei por suas lindas capas e fiquei com muita vontade de conhecer as histórias por trás delas. 

O meu primeiro escolhido da Coleção Romances de Hoje foi A Padaria dos Finais Felizes, que tem como protagonista, Polly Waterford, uma mulher que acabou de perder o seu apartamento e também o emprego, pois a empresa de Design que tinha junto com o namorado  está afundada em dívidas e declarou falência. 

Desesperada e se recusando a ir morar com a melhor amiga, ela encontra em um anúncio de jornal um apartamento para alugar em Polbearne, uma vila à beira-mar ao longo da costa da Inglaterra, que é meio inacessível por conta da ponte que a liga no continente alagar quando a maré sobe, deixando as pessoas ilhadas. 

“Filtrou a busca de novo, com foco no sudoeste da Inglaterra, e foi então que o viu. Era um nome que não passava pela sua cabeça havia anos. Provavelmente tinha visitado em um passeio da escola; todo mundo ia lá, quando criança. Mount Polbearne.“

O apartamento fica em cima de uma padaria abandonada e está caindo aos pedaços, mas mesmo assim Polly se apaixona pela paz que o local transmite e resolve se mudar para lá. 

Logo na primeira noite no local ela se assusta com um barulho vindo da padaria e ao desder para investigar o que está acontecendo ela descobre um lindo pássaro do mar que se feriu ao quebrar uma janela do local. 

O pássaro que é apelidado de Neil e acaba virando um super companheiro de Polly e rendendo ao livro cenas incríveis que me deixaram com um grande sorriso no rosto. 

“– Verdade seja dita, ele está ficando gordinho – observou Tarnie.
– Meu papagaio do mar não está gordo! – retrucou Polly, irritada. – E Niel ainda é novinho. Não fala assim. Pode afetar a autoestima dele.”

Enquanto procura emprego nessa pequena ilha e não encontra nenhum, Polly passa os dias assando pães deliciosos e sem pretensão nenhuma conquistando muitos clientes e fazendo novas amizades com os moradores da ilha. E assim vamos acompanhando o dia a dia de sua nova vida e como ela irá conseguir superar todos os obstáculos que aparecerem até encontrar a felicidade novamente. 

“Toda noite fazia grandes levas de pão com combinações diferentes: pão branco para os rapazes, que não se aventuravam muito; umas sementes de papoula aqui e acolá; pão com mel e passas, que, torrado com um pouco de manteiga local, ficava divino.“

A narrativa que é feita em terceira pessoa, é muito leve, fluida e uma delícia de acompanhar.

Adorei a ambientação da trama, os seus personagens secundários e através deles poder conhecer um pouco mais sobre a atividade pesqueira e a apicultura. 

Algo que me surpreendeu bastante foi que a autora inseriu alguns acontecimentos mais trágicos na história, deixando a leitura mais surpreendente, intensa e emocionante. 

O relacionamento amoroso demorou um pouquinho para engatar, mas mesmo assim é muito fofo e deixa aquele gostinho de quero mais. 

“Viva o agora. Não tente tirar foto, não tente capturar o momento e congelá-lo para sempre.”

Apesar de o livro possuir um final muito bem construído e não deixar nenhuma ponta solta, ele é apenas o primeiro de uma trilogia e agora estou na torcida para que a sua continuação também seja lançada logo por aqui. 

A Padaria dos Finais Felizes traz uma história envolvente sobre recomeços e coragem, além de deliciosas receitas que com certeza vão te deixar com água na boca. Uma leitura mais do que recomendada.    


LEIA MAIS

[Resenha] Quando você voltou para a minha vida - Hilary Boyd

em 03 setembro 2020

Flora tinha uma vida tranquila e perfeita, morava com o seu namorado Fin a mais de oito anos e trabalhava como enfermeira em um grande hospital da cidade.
Tudo muda quando um dia ela chega do trabalho e descobre que Fin sumiu, simplesmente foi embora sem deixar nenhum recado.
LEIA MAIS

[Resenha] Doce Procura - Kevin Alan Milne

em 16 agosto 2020

Recebi esse livro na caixa do Clube de Romance da Carina e confesso que até então nunca tinha ouvido falar dele, porém logo de cara a sinopse me chamou bastante atenção e fiquei curiosa por sua leitura.
Doce Procura nos apresenta a história de Sophie Jones, uma mulher de 29 anos que é dona de uma chocolateria em Seattle.
Shopie perdeu os pais em um terrível acidente em seu aniversário de 9 anos e também foi abandonada pelo noivo poucos dias antes do casamento e todos esses acontecimentos a tornaram uma pessoa amarga, que não acredita em finais felizes.

LEIA MAIS

Romance Dark - Série Hades Hangmen

em 06 agosto 2020



Conheçam a série Hades Hangmen!

Essa série se enquadra no gênero romance dark, que ainda não é muito popular no Brasil e pode causar certo desconforto em alguns leitores.
Ainda não há um consenso ao definir totalmente esse gênero, o que pode se dizer é que tem características bem diferentes e peculiares e muitas vezes perturbadoras, ao abordar temas super pesados e ter protagonistas que vão contra o que estamos acostumados e o que temos como certo em nossas crenças e convicções.
LEIA MAIS

[Resenha] Todos os Beijos que Roubei

em 28 julho 2020



Apesar de ter amado muito "Te juro amor em silêncio", o primeiro livro da série Príncipes do Diamante, acabei não fazendo resenha dele por aqui.
Como não quero cometer essa injustiça novamente, preciso logo falar de “Todos os beijos que roubei”. O segundo livro da série.
Para quem ainda não conhece a série Príncipes do Diamante conta a história dos 4 filhos adotivos de um famoso joalheiro.
LEIA MAIS


Topo