Image Map

10 maio 2012

Resenha: A última carta de amor

Livro: A última carta de amor
Autora:
Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Sinopse:
"Londres, 1960. Ao acordar em um hospital após um acidente de carro, Jennifer Stirling não consegue se lembrar de nada. De volta a casa com o marido, ela tenta, em vão, recuperar a memória de sua antiga vida. Por mais que todos à sua volta pareçam atenciosos e amáveis, Jennifer sente que alguma coisa está faltando. 
É então que ela descobre uma série de cartas de amor escondidas, endereçadas a ela e assinadas apenas por "B", e percebe que não só estava vivendo um romance fora do casamento como também parecia disposta a arriscar tudo para ficar com seu amante.
Quatro décadas depois, a jornalista Ellie Haworth encontra uma dessas cartas endereçadas a Jennifer durante uma pesquisa nos arquivos do jornal em que trabalha. Obcecada pela ideia de reunir os protagonistas desse amor proibido - em parte por estar ela mesma envolvida com um homem casado -, Ellie começa a procurar por "B", e nem desconfia que, ao fazer isso, talvez encontre uma solução para os problemas do seu próprio relacionamento."

A última carta de amor foi me conquistando aos poucos, no começo da leitura eu não estava gostando muito, porém depois de algumas páginas a narrativa começou a me prender e no final fiquei completamente apaixonada pela história.
Logo de cara conhecemos Ellie Harworth, uma jornalista que está tendo um caso com um homem casado e vive uma má fase profissional.
O jornal Nation, onde Ellie trabalha está sendo transferido para uma nova sede e aproveitando essa oportunidade da mudança a chefe de Ellie pede para que ela pesquise nos arquivos antigos do jornal e encontre material para escrever uma boa matéria de capa. 
Revirando entre os papeis e jornais velhos, ela acaba encontrando no meio de uma pasta uma linda e misteriosa carta de amor. 


"...Se não vier, saberei que o sentimos um pelo outro, seja lá o que for, não basta. Não a culpo, minha querida. Sei que a pressão das últimas semanas  foi intolerável para você, e o peso disso me afeta profundamente. Odeio a ideia de poder lhe causar qualquer tristeza.
Esperarei na plataforma a parte das 18h45. Saiba que você tem o meu coração, minhas esperanças, em suas mãos.
Seu,
B"


Depois de ler essa carta somos transportados para 1960 e podemos conhecer o casal e toda a história que se esconde por trás deste papel.
O livro tem várias passagens de tempo e elas não são identificadas por datas, por isso a leitura requer muita atenção para que você não se perca na história.
É exatamente essas passagens de tempo que nos permitem conhecer em detalhes toda a história de amor de Jennifer e do seu amante Anthony, uma história repleta de surpresas e reviravoltas capaz de nos prender na leitura querendo saber o que irá acontecer a todo momento.


"Eu achava que era feliz. Achava que a minha vida era boa. E aí você chegou e nada... nada mais fez sentido. Tudo o que eu tinha planejado, casa, filhos, férias, eu não quero mais. Eu não consigo dormir, não consigo comer. Penso em você o tempo todo."

A autora soube conduzir a narrativa muito bem a um ponto que era possível entrar no universo dos personagens através dos anos e se imaginar vivendo naquelas épocas e situações.
O romance é lindo e envolvente e foi capaz de me conquistar e até me fazer chorar em alguns momentos.
Se você gosta de ler um livro que a história te marque e ao mesmo tempo te faça refletir após a leitura com certeza irá gostar de A última carta de amor, ele já entrou para a minha lista de melhores romances lidos.
___________________________________


9 comentários:

  1. Ah eu ja tinha dado uma olhada na capa e achei super linda, pq passou bem a imagem de um "pacote de cartas". A sinopse tb foi super interessante e agora com a resenha tenho quase certeza que é uma leitura adorável!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Taís!
    Acabei de postar essa resenha! hahahaha

    Eu gostei do livro, mas NOSSA, a narração sem indicação de tempo me confundiu MUITO. Acho que não custava ter colocado uma data, sei lá hahaha

    Mas é muito bonito e eu gostei bastante ^^

    Beijooo!

    Ju
    julianagiacobelli.com

    ResponderExcluir
  3. Linda resenha... Já tinha visto outra resenha desse livro, que me chamou a atenção, agora li a sua, confirmei que o livro é bom mesmo.
    Quem sabe um dia eu não leia :)
    Beijoos
    Bruna-Livros de Cabeceira

    ResponderExcluir
  4. Oi Tais!
    É tão bom quando a leitura começa devagar, mas de repente o livro nos prende de um jeito que não dá pra largar! Fiquei com vontade de ler o livro.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  5. Oie!
    Lindo blog!

    Ah, eu gosto muito de livros chik-lit...!
    São tão fofos, e a capa desse é linda!
    A história deve ser maravilhosa!

    Bjs,
    Ariane;)

    ResponderExcluir
  6. Nossa! A capa deste livro é muito linda! Estou ensaiando comprar desde que lançou, mas venho resistindo, pq sei que não conseguirei ler agora.

    Já tinha ouvido alguém falar disso do tempo, que estava se perdendo. Vou me atentar quando ler^^

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  7. Achei tão bonito a resenha que o livro chamou minha atenção, este romance tem cara de ser totalmente meigo.

    paranoiadasideias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Esse livro deve ser bem legal...adorei sua resenha...
    Espero poder compra-lo em breve!
    Mais uma vez valeu pela dica!

    ResponderExcluir
  9. Ainda estou na página 230 e não consegui me sentir no meio da história. Estou muito perdida com esse passado e presente e estou, sério, ficando louca. Mas estou tentando, rs.
    Beijão

    ResponderExcluir

 
Leitora Fashion © Todos os direitos reservados
leitorafashion@gmail.com