Image Map

11 outubro 2012

Resenha: Um lugar para ficar



Livro: Um lugar para Ficar
Autora: Deb Caletti
Editora: Novo Conceito
Sinopse:
"O relacionamento de Clara com Christian é intenso desde o começo e diferente de tudo o que ela já havia experimentado. No entanto, o que começa como um grande afeto rapidamente se transforma em obsessão, e já é muito tarde quando Clara percebe que as coisas foram longe demais e que Christian está disposto a fazer de tudo para ficar ao seu lado. Então, Clara parte da cidade e Christian fica para trás. Ninguém sabe onde ela está, mas, mesmo assim, Clara ainda luta para se livrar do medo. Ela sabe que Christian não vai permitir que ela suma tão facilmente. Não importa para onde ela vá, nunca será longe o bastante..."

Desde o seu lançamento "Um lugar para ficar" me chamou bastante atenção por sua linda capa, porém confesso que ao contrário da capa, sua sinopse não tinha me agradado tanto e por isso ele acabou esperando por um bom tempo na minha estante até ser lido. 
O livro nos apresenta a história de Clara, uma jovem que foi morar por alguns meses em uma cidadezinha praiana bem distante junto com o seu pai, tentando fugir de seu ex namorado Christian.
O namoro de Clara e Christian desde o começo sempre foi muito intenso, porém toda essa intensidade acaba se transformando em obsessão e Christian se torna um cara extremamente ciumento, paranoico e obsessivo fazendo com que Clara o consiga mais viver em paz e só tenha como opção fugir e ficar longe dele como tentativa de que ele finalmente a esqueça.

"É estranho não é, como a ideia de pertencer a alguém pode parecer maravilhosa? Era algo tranquilizador, um modo de definir as coisas. Gostamos da ideia de estarmos protegidos, até que ficamos sufocados demais. Gostamos de ter segurança, até que ela signifique que não existe mais uma saída. E gostamos de pertencer a alguém, até percebermos que não somos mais nós mesmos".  

A princípio lendo sua sinopse, pensei encontrar pela frente somente um drama, um livro com uma história mais adulta, pesada e com um ritmo de leitura mais lendo daqueles que não costumo curtir muito.
Já no primeiro capítulo vi que estava enganada, pois "Um lugar para ficar" é um livro jovem e Deb Caletti soube colocar nele além do drama, um pouco de suspense e um romance bem fofo.

“De repente, bem ali, na praia com Finn Bishop, aprendi que o amor verdadeiro não é aquele que prende, sufoca, envolvendo os dois numa dança macabra. Não, ele deixa você livre para pisar em chão firme, e para o outro poder fazer o mesmo, com bastante espaço entre vocês dois." 

Apesar de possuir um tema central bem série e tenso, a autora soube escrever a história de forma leve e bem natural o que tornou o ritmo de leitura bem fluido e gostoso.
Com os capítulos alternados entre o presente e o passado é possível compreender totalmente a personagem, os seus sentimentos e sua história, o que torna o leitor mais próximo dela.
Gostei bastante da leitura e fiquei bem curiosa para ler outros livros da autora que costumam sempre ser bem elogiados lá fora e espero que eles sejam logo publicados por aqui.
________________________________ 
  

 

 
 

4 comentários:

  1. Não sei se você chegou a ler minha resenha, mas eu não consegui gostar deste livro nem um pouco. O único personagem que me conquistou realmente foi o pai da Clara. Beijão!

    ResponderExcluir
  2. Oi Taís,
    A sua resenha é a segunda que leio, falando coisas positivas do livro. E confesso que isso me faz fica r interessada no livro.
    A única coisa que, acho, que vai me incomodar é os capitulos serem intercalados entre presente e passado

    bjinhuxxx
    Eu li e Divulgo

    ResponderExcluir
  3. Oi, Taís!
    Eu li Um Lugar Para Ficar e também gostei bastante :D Realmente é um tema bem tenso, e o livro me surpreendeu muito, me prendendo durante a leitura de um jeito que eu não conseguia parar de ler hahaha

    Beijooo!

    Ju
    Praticamente Inofensivo ;)

    ResponderExcluir
  4. Oi Taís,
    Sou louco para ler Deb faz um tempo, e sempre sonhei ter os livros dela aqui na minha estante. Bom saber que você gostou do livro, e eu amo esses livros assim mais jovem sabem, mas que não deixam de ter uma carga emocional maior!

    Beijão
    Will
    Vício de Cultura

    ResponderExcluir

 
Leitora Fashion © Todos os direitos reservados
leitorafashion@gmail.com